Últimas Resenhas

Últimas Resenhas

22 agosto 2016

Top 5: Minhas Séries Prediletas


Variando um pouco, hoje vim falar das minhas séries prediletas, por mais que eu não seja tão ligada assim nesse meio, há algumas que me conquistaram e é sobre elas que decidi fazer essa postagem. Quem tiver uma boa recomendação para me indicar, deixe nos comentários, pois estou aberta a sugestões!

19 agosto 2016

Tag: O Poderoso Chefão


Para fechar essa semana, eu trouxe uma tag bem legal que minha amiga Muryel do Era uma vez uma menina me indicou. A tag consiste em uma série de perguntas inspiradas em O Poderoso Chefão, espero que gostem!

17 agosto 2016

Mini-Resenha: A poetisa do coração - Andressa Andrião


Edição: 1
Editora: Amazon
ISBN: B00NDEAZZK
Ano: 2014
Páginas: 40
Avaliação: 
Onde Comprar: Amazon
Sinopse: Tiago é um estudante de engenharia com um traço muito comum: ele odeia ler. É assim não somente porque não gosta de palavras – como acontece com muitas pessoas –, mas porque não consegue entender o sentido desta arte. Ele é racional, simples e direto. A maioria dos livros são complicados, sentimentais e nem um pouco diretos. Tudo o que ele não é. Acreditava que seria assim para sempre, porém uma oportunidade de mudar lhe surge quando encontra o caderno secreto de uma de suas amigas. Um caderno repleto de sentimentos, que poderia muito bem ser como qualquer outro, isso se não tivesse uma característica muito importante: era destinado a ele, mesmo que a escritora jamais sonhasse em lhe entregar.
A POETISA DO CORAÇÃO é o primeiro de uma série de contos independentes nomeada EXPRESSÕES DA ALMA. Ela reúne histórias sobre mulheres artistas que transformaram algo através de sua arte.

Fazia um tempinho que eu não trazia uma mini-resenha dos contos que tenho no Kindle e para voltar com essa categoria aqui no blog, escolhi A poetisa do coração, da autora parceria Andressa Andrião. Esta é a segunda obra que leio da Andressa e quero começar dizendo que apesar de ser um conto com 40 páginas, pude notar um amadurecimento na escrita da autora de Memórias da Lua Cheia. A Poetisa do Coração é um e-conto leve, romântico e envolvente. A narrativa é terceira pessoa, focada em Tiago, jovem um pouco frio e que não curte literatura, na verdade, ele não aprecia a magia das palavras ou de uma boa aventura nos livros, mas Eliza mostrará que uma boa leitura, pode sim mudar a vida de qualquer um por completo.

15 agosto 2016

Resenha: Muito Além do Tempo - Alexandra Monir

Edição: 1
Editora: Jangada
ISBN: 9788564850927
Ano: 2015
Páginas: 272
Avaliação:  
Onde Comprar: Amazon
Sinopse: Uma tragédia atinge a família de Michele Windsor, e ela é forçada a morar com os avós que nunca conheceu. Em sua mansão histórica em Nova York, repleta de segredos de família, Michele encontra um diário que tem o incrível poder de fazê-la retroceder no tempo, até o ano em que foi escrito, 1910. Lá Michele encontra o rapaz que ela viu em sonhos durante toda sua vida. Em pouco tempo, ela se vê apaixonada por ele. Quando se dá conta, Michele está vivendo uma vida dupla, lutando para conciliar seu mundo de estudante com suas viagens ao passado. Mas, quando se depara com uma descoberta terrível, ela é lançada numa corrida contra o tempo para salvar o homem que ama, e empreender uma busca que determinará o destino dos dois.

Viagem no tempo, é um tema que gosto muito, a magia nos romances que abordam essa questão, sempre acabam-me agradando, há algo especial entre esses amores que transpassam o tempo, que fico muito envolvida e claro, não foi diferente com a obra de Alexandra Monir. Minha amiga Neyla, do blog Coisas de Meninas já tinha me indicado a obra, afinal, Amber House, também publicado pela editora Jangada, leva essa mesma categoria, mas de um modo diferente (mundos paralelos, outro tema que amo.), por isso mesmo, eu precisa conhecer Muito Além do Tempo, na primeira oportunidade que tive, adquiri o exemplar e não poderia estar mais feliz de ter conhecido Michele e Philip. Você seria capaz de enfrentar o Tempo para estar com aquele que ama?

12 agosto 2016

Resenha: A Batalha dos Mortos - Rodrigo de Oliveira


Edição: 1
Editora: Faro Editorial
ISBN: 9788562409226
Ano: 2014
Páginas: 310
Avaliação: 
Onde Comprar: Amazon
Sinopse: Ano 2018. À passagem de um planeta próximo da órbita da Terra, o que era para ser um dia de festa... Pessoas do mundo inteiro prepararam-se para um espetáculo astronômico mas o evento se transforma num pesadelo. Um dia após à maior aproximação do planeta, um imenso calor sobrevêm e 2/3 de todas as pessoas do mundo transformam-se em zumbis. Em São José dos Campos, um grupo cria um centro de refugiados para milhares de pessoas... eles reuniram condições de sobrevivência com água, alimentos e criaram uma grande fortaleza. Agora dedicam-se a encontrar outros focos de resistência e ajudar peregrinos do grande apocalipse. Eles não sabem, mas essa pode ser a maior comunidade de vivos na face da terra. No entanto, próximo a eles, uma outra resistência - perversa e potente -, também cresce. Um grande Comando do Exército é tomado por criminosos do presidio de segurança máxima de Taubaté. Eles resistiram aos zumbis, escravizaram outros humanos e, fortemente armados, se tornam uma ameaça letal à comunidade vizinha. Uma batalha está para acontecer. Um cerco para salvar vidas. E em meio a isso, inúmeras histórias de pessoas vivendo em situações-limite, muito além da sua imaginação. Livro II da série mais original sobre Zumbis desde The Walking Dead!

Resenha publicada originalmente no blog Leitura Maravilhosa, aonde fui convidada a resenhar A Batalha dos Mortos

Um ano após o incidente que condenou o mundo inteiro e trouxe o caos para a humanidade, Ivan e Estela conduzem com coragem a comunidade de sobreviventes que criaram em São José dos Campos. No entanto, os fantasmas do passado ainda rondam o casal e novos desafios ainda maiores e mais perigosos que uma horda de zumbis, paira face a face com o casal.

10 agosto 2016

Resenha: O Vale dos Mortos - Rodrigo de Oliveira


Edição: 1
Editora: Faro Editorial
ISBN: 9788562409073
Ano: 2013
Páginas: 304
Avaliação: 
Onde Comprar: Amazon
Sinopse: 2017... UMA PROFECIA ESQUECIDA DO LIVRO DO APOCALIPSE, REITERADA POR OUTROS PROFETAS MODERNOS, RESSURGE...
Cientistas descobrem um planeta vermelho em rota de colisão com a Terra. Depois de muito pânico nos quatro cantos do mundo, eles asseguram que o corpo celeste passaria a uma distância segura de nós. E todos ficam tranquilos acreditando que nada iria acontecer...
Então 2/3 de todas as pessoas no Planeta caem desmaiadas, vítimas de um estranho surto... "E abriu-se o poço do abismo, de onde saíram seres como gafanhotos com poderes de escorpiões. E os homens buscarão a morte e a morte fugirá deles." - Apocalipse 9, 2-6.
E um grupo luta para sobreviver num mundo dominado pelo mal.
Com passagens por São Paulo, Brasília, Estados Unidos, China e França, O Vale dos Mortos baseia-se na profecia de que um planeta intruso ao sistema solar, ao raspar por nossa orbita, fatalmente desencadearia a transformação em grande parte da humanidade, não havendo lugar seguro e ambientes sem infecção, pois ela ocorreria simplesmente pela aproximação do astro. Pegos de surpresa, e tentando entender o que acontecia enquanto buscavam se salvar, um casal e seus filhos iniciam uma jornada para reestabelecer alguma condição de vida no que restou de seu próprio mundo.
Uma história com muita ação, suspense, que vai deixar você eletrizado.

Resenha publicada originalmente no blog Leitura Maravilhosa, aonde fui convidada a resenhar O Vale dos Mortos

Com a vinda do planeta Absinto, a humanidade fica agitada acreditando que chegara o fim. Após os cientistas provarem que o estranho corpo celestial não fará mal ao nosso planeta, a população se acalma e aproveita o fenômeno deslumbrante que corta o céu... Com a aproximação de Absinto, um grande mal de alastra pelos quatro cantos da terra.

“E o terceiro anjo tocou a sua trombeta e caiu do céu uma grande estrela ardendo como tocha (...). E o nome da estrala era Absinto... e foi-lhe dada à chave do poço do abismo. E a fumaça que saiu do fundo do abismo escurece o sol e o ar.
E da fumaça vieram seres como gafanhotos sobre a terra, mas com poderes de escorpiões. E foi-lhes dito que não fizessem dano a erva da terra, nem a arvore alguma, mas somente aos homens.
E naqueles dias os homens buscarão a morte, e não a acharão; e desejarão morrer, e a morte fugirá deles” – Apocalipse 8 e 9.

08 agosto 2016

Resenha: A Loira do Banheiro e Outras Histórias de Arrepiar - Dieison Groff


Editora: Arwen
Ano: 2016
Páginas: 103
Skoob
Avaliação: 
Onde Comprar: Loja da Editora Arwen
Sinopse: Um dos mistérios da vida é: de onde vêm as lendas urbanas?Você não conhece ninguém que tenha inventado uma lenda urbana. Os que contam uma dessas histórias sempre a ouviram de outro, que ouviu de outro, que ouviu de outro, que não se recorda de onde a ouviu. Em geral, quem conta uma lenda jura que aconteceu com a melhor amiga do primo da irmã do namorado da vizinha. Ou seja, com um conhecido bem distante.As histórias que o povo conta podem até mudar um pouco aqui, outro pouco ali. Suas alterações de região para região são comuns, mas o importante é que elas continuam mexendo com o nosso imaginário, causando um misto de medo e curiosidade.Dieison Groff resgatou doze lendas urbanas que prometem atrair a atenção da galera do começo ao fim. Este livro reúne histórias arrepiantes como a do vestido de noiva, da loira do banheiro, do motorista funerário, da moça do táxi, do menino na foto, entre outras que provavelmente vão fazer você terminar a leitura com os cabelos em pé.

Resenha publicada originalmente no blog Pobre Leitora, aonde também sou colunista.

Contendo doze contos, baseados em lendas urbanas populares no Brasil, A Loira do Banheiro e outras histórias de arrepiar, possui cerca de 103 páginas, as histórias são curtas e o livro pode ser finalizado em uma tarde por exemplo. Quando escolhi esse livro para ler, eu já esperava que fossem contos simples, sem ter aquela carga de terror e suspense que estou acostumada a ler e a qual eu adoro, quem me conhece, sabe que esses dois gêneros são os meus favoritos, mas eu sabia que não encontraria esses elementos no livro, por mais que sejam lendas urbanas e confesso que já li algumas macabras, A Loira do Banheiro e outras histórias de arrepiar, peca em ser uma obra leve e despretensiosa, onde as lendas não passam a emoção devida.

05 agosto 2016

Resenha: Deixe-Me Entrar - Letícia Godoy


Editora: Arwen
Ano: 2016
Páginas: 356
Skoob
Avaliação: 
Onde Comprar: Amazon
Sinopse: Julianne Ipswich cresceu confinada no internato Le Rosey, afastada de sua família com o pretexto de receber uma educação de qualidade. Este fato sempre a incomodou e o maior desejo de Julianne era descobrir a verdade para que a família tenha a afastado, uma vez que não ficou convencida de que a preocupação com os seus estudos seria o único motivo.Ao completar 15 anos, ela retorna para Stone Forest, a cidade de seus pais, e, aos poucos, acaba descobrindo mais do que gostaria de saber.Cercada por muito mais perigos e desafios do que ela jamais pôde imaginar que surgiriam em sua vida, Julianne precisará desvendar os mistérios de seu passado e preparar-se para os desafios do futuro rapidamente se quiser sobreviver. As vozes se misturam, os olhos sedentos nunca param de espreitar e o perigo está onde ela menos imagina. Será que Julianne conseguirá enfrentar tudo isso?

Resenha publicada originalmente no blog Pobre Leitora, aonde também sou colunista.
A convite da Nath, aceitei ser resenhista dos livros da editora Arwen, parceira do Pobre Leitora e para minha primeira estreia, eu escolhi uma obra que estava sendo bastante comentada na blogosfera um tempo atrás, o Deixei-me Entrar, novo romance da autora Letícia Godoy. Eu li algumas opiniões a respeito das primeiras impressões sobre o livro, a qual estavam circulando nos blogs e claro, fiquei empolgada, afinal, os colegas estavam elogiando a obra e minha curiosidade estava a mil. Não negarei que Deixe-me Entrar é um livro interessante, que tem bons momentos, na verdade, assim que chegou nos 60% da trama e foi se aproximando do final, finalmente o livro conseguiu-me conquistar um pouco, mas alguns aspectos do enredo e situações vividas principalmente por Julianne, assim como sua personalidade me incomodou bastante, o que acabou-me desagradando ao longo da leitura, que aliais demorou bem mais do que eu estava planejando e consequentemente interveio na minha avaliação final.