A tímida princesa - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: A tímida princesa

A tímida princesa

15/10/2011


A tímida princesa
Classificação: Livre
Gênero: Romance
Baseado em Harvest Moon Back To Nature


A tímida princesa



O sol penetrava pela janela, iluminando o quarto, a brisa fresca da manhã soprava nos cabelos negros da jovem. Ela reluta em sair, a cama estava quentinha, o cobertor macio lhe convidava a ficar mais, a jovem espiou pela fresta aberta, o dia era bem ensolarado típico da primavera.

Manhã de terça-feira, seu trabalho a esperava, ela tratou de logo se arrumar, o dia seria cheio mesmo na biblioteca de Mineral Town.

Mary ajeitou seus longos cabelos em uma trança, os fios negros brilhavam com a luz da manhã. Ela não demorou no banheiro, apenas sua higiene básica foi feita. Colocando seu típico óculos de armação fina, Mary opta por seu lindo vestido azul de renda branca, nada espalhafatoso, apenas algo confortável para trabalhar.

Ela desceu as escadas, sua mãe Anna já havia preparado tudo, o aroma de café recém passado predominava na cozinha. Basil, seu pai lhe deu um pequeno beijo na testa, dizendo que já estava atrasado, com um sorriso bobo, o pai culpou as panquecas da esposa por fazê-lo perder a hora.

Mary deu uma risada baixa com o comentário do pai, ela tomou um suco e apenas umas bolachas serviria para matar sua fome.

Mesmo com a biblioteca na própria casa, a morena detestaria se atrasar, ela despediu-se da mãe e tratou de começar suas tarefas.

Os livros perfeitamente organizados, apenas precisavam de uma espanada, a moça não demorou com esse afazer, o chão foi o próximo a ser limpo e aquele cheirinho de lavanda tomava conta da biblioteca.

O relógio marcava oito horas e a morena tratou de abrir a biblioteca, para que assim os moradores pudessem desfrutar do mundo dos livros.

No entanto algo chamou a atenção da menina, sua face pálida ganhou um rubro intenso ao presenciar o seu primeiro visitante.

Peter era o nome do rapaz, com um sorriso encantador nos lábios, ele cumprimenta Mary com um belo Bom dia.

A garota envergonhada apenas concorda balançado a cabeça, mas não deixa de acompanhar os movimentos do rapaz com seus olhos.

Peter chegou à cidade recentemente, já era popular com as garotas da vila, sempre alegre, o jovem esbanjava beleza, ele tinha um brilho próprio deixando qualquer uma com o coração palpitante. Os orbes cor de mel de Peter era o que Mary mais admirava, tão sinceros, puros, ele sempre fixava o olhar ao falar com ela, mas sua timidez a impedia de responder tudo que ela guardava no coração.

O rapaz observava os livros e Mary imaginava, sonhava acordada, pensando como seria se ambos fossem os protagonistas de um conto de fantasia, onde ela seria a princesa e ele o galante que a salvaria do dragão maldoso.

A jovem suspirava, em seus pensamentos palavras doces saiam dos lábios do rapaz, e este se fixava em um canto da biblioteca, lendo pacificamente um livro sobre plantação.

Tantas aventuras, romances e declarações Mary imaginava, em todo sonho sempre terminava da mesma forma, ela e Peter em um longo beijo de amor.

- Queria que fosse real... – dizia ela entre um suspiro e outro.

Se a timidez não fosse um problema, iria ela ao encontro de Peter confessar os sentimentos que nutria e quem sabe assim uma bela história de amor nasceria, guiada por suas próprias mãos.  

Sammysam Rosa

Escrito por:

Sammy. Casada e apaixonada por livros. Gosto de literatura policial, suspense e terror. Típica pisciana, sonhadora e curiosa.

3 comentários:

  1. Adorei seu blog querida,seguindo,se puder segue o meu de volta e participa do sorteio :)

    www.superconectadas.com

    ResponderExcluir
  2. Já estou seguindo o seu também! Bjs

    ResponderExcluir
  3. Ta rolando uma promo no meu blog ^^para divulgação!entra la e confira^^http://olhacomoeufaco.blogspot.com/2011/10/promocao-em-parceria-com-o-blog-do-lado.html

    ResponderExcluir

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!