Um ato de Maldade - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: Um ato de Maldade

Um ato de Maldade

13/12/2011


Um ato de Maldade
Classificação: Livre
Gênero: Drama
Original

Um ato de Maldade
por Sammy

Um rastro de sangue, uma poça de dor, a ferida aberta nada se compara com a crueldade a qual sou imposto. Minha carne, meu corpo não é como o seu, mas sofro pelo vermelho derramado. Meus olhos antes alegres, agora vê rancor. A tristeza invade como uma nuvem de tempestade, com raios de discórdia.

Minha pele é rasgada pela ignorância, sou maltratado, judiado até a morte, condenado por simplesmente existir. Pergunto-me muitas vezes, qual foi o mal que fiz?

Se apenas uma picada de inseto em ti possa doer, imagine ser arrastado, cortado e mutilado pelas mãos que julgam ter poder.

Sou apenas um ser vivo diferente, mas que sente como você. Não falo sua língua, não demonstro sentimentos como ti, mas saiba meu coração também é amor, meu sangue também jorra pela ferida aberta.

Choro, grito, e imploro misericórdia, mas nada te impede de prosseguir de matar a mim e meus iguais. Chamam-te de bicho, te compram a um animal, mas saiba nenhum de nós é capaz de fazer tão mal quanto o bicho chamado Homem.

Fui criado pelo mesmo Pai, também sou filho do Senhor, no entanto meu caminho é apenas amargura, aflição e pesar. Queria saber o motivo, a razão dessa ferocidade.

Quanto sangue ainda há de escorrer até que eu possa enfim viver, sem dor ou maldade?  

2 comentários:

  1. Ola Samy,
    Sou um blogueiro assim como você. Escrevo à alguns meses sobre cultura pop e derivados.
    Também à alguns meses comecei a escrever uns contos e histórias de suspense, romance e terror, e meus colegas de trabalho e escola viram e amaram.
    Eu pensei então em escrever um blog com esses contos, mas então lembrei que poderiam roubar esses projetos, ou no mínimo copiar as ideias. A minha pergunta é: Como você evita isso? Você tem alguma dica para um escritor iniciante?
    Atenciosamente,
    Jason
    P.S.: Estou escrevendo isso aqui por que não encontrei uma página de contatos no seu blog.
    P.P.S.: Responda-me assim que puder na página de contato do meu blog: http://adraftbox.blogspot.com/p/contato.html

    ResponderExcluir
  2. Que triste né!! Todos os dias eu luto para que meus animais tenham um lugar seguro, deste mal, desta coisa horrivel, eu tenho 9 gatos, todos eles amo de paixão, fico preocupada quando algum sai pra passear, depois de muito pesquisar e conhecer algumas gateiras como eu, resolvi fazer um gatil, onde eles poderão ficar seguros da maldade humana, mais penso se isso seria o melhor, se sou contra trancar passarinhos em gaiolas, como ficarei ao trancar meus gatos em um gatil, por mais que eu faça grande e cheios de brinquedos e amor, eu sei que eles sentirão falta do cheiro da liberdade, então decidi que els poderão passear todos os dias, no quintal daqui de casa, poderão subir nas arvores, rolar na grama e sentir o soll em suas narinas... meus gatos são tudo depois de meus filhos, recetemente perdi meu cachorrinho e chorei muito, mais infelizmente ou felizmente a vida segue e eu ainda serei uma protetora de animais, disso eu tenho certeza!! bjks

    ResponderExcluir

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!