A aventura na Ilha Sunshine #1 - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: A aventura na Ilha Sunshine #1

A aventura na Ilha Sunshine #1

26/01/2012


A Ilha do Sol - A aventura na Ilha Sunshine
Classificação: 14 anos
Gênero: Romance
Baseado em Harvest Moon Sunshine

Capítulos Anteriores:






A Ilha do Sol
A aventura na Ilha Sunshine
por Sammy


Capítulo Um

- Mãe, quando eu disse queria viver uma aventura, não era para ter a sua ajuda e a do papai. Era para ser com meu esforço! – a garota tentava argumentar com a mãe ao telefone, mas sem sucesso.

“- Querida, eu sei. Mas sem uma casa, como você iria começar essa aventura? - respondeu a mãe, no outro lado da linha, sua voz era muito doce e suave. - Pelo que me lembro você falou que seu maior desejo, era ter um rancho só seu. Pois bem, ai esta! Não se preocupe, a ilha Verdure vai te trazer muitas surpresas. E pode ter certeza, esse lugar é perfeito para sua aventura!”

- Como assim? Mãe? Mãe?- o silencio era constante do outro lado – Ela desligou?

Chelsea não entendia as atitudes da mãe, principalmente quando ela anunciou que sairia de casa quando completasse 18 anos. E no dia de sua partida, a mulher não se opôs, somente desejou boa sorte. O pai também não criticou e muito menos tentou impedir, o que era estranho, já que ele era sempre super protetor. Aquela atitude deles fazia a garota pensar: “Seria tudo planejado?”

Ao desembarcar na Ilha Verdure, Chelsea teve certeza: os pais já tinham planejado tudo! Era como se esperassem que ela fizesse o que fez, parecia que eles já antecipavam que ela partisse para sua própria tecer seu destino. Ao botar seus pés na ilha, ela descobriu que tinha uma casa em seu nome, no um rancho que seus pais compraram de Taro, o habitante mais antigo daquele lugar.

Choco Rancho, esse era o nome. Taro pediu para que permanecesse esse o título original, ele costumava dizer que isso trazia sorte e os pais de Chelsea não se opuseram com o pedido. A casa era bem modesta e pequena, apenas um cômodo, com cama, mesa de centro e um criado mudo, onde ficava o telefone. A cozinha era até espaçosa, vários utensílios e temperos já encontravam no imóvel.

Para quem teve um quarto espaçoso, em uma casa enorme na fazenda dos pais, aquele lugar era, um pouco deprimente. Mas como tudo foi sua idéia, Chelsea não ira reclamar. Ela cuidaria de tudo, a seu modo, com muito trabalho e esforço, do jeito que seus pais ensinaram. Uma pena que não iria mais saborear as elaboradas receitas da mãe e nem os deliciosos Arroz com curry do pai, uma receita que ele fazia tão bem.

Seus pensamentos foram desviados, assim que a jovem ouviu batidas em sua porta. Com receio de sair, Chelsea esperou por um momento, talvez fosse sua imaginação querendo lhe enganar. Mas três batidas, desta vez mais forte, mesmo sem coragem para atender, decidiu não ignorar as pessoas que poderiam estar lá fora. Não que ela fosse mal educada, mas queria ficar um pouco dentro casa, planejando seus primeiros passos no Choco Ranço

Ao abrir a porta, reconheceu quem batia. Um senhor de idade, totalmente calvo, com um grande bigode branco na face, usava um macacão levemente desbotado na cor azul, em seu pescoço um lenço vermelho Ele segurava um cajado nas mãos. As rugas bem visíveis em seu rosto demonstravam os anos de trabalho duro, seu nome: Taro o antigo proprietário do rancho.

- Olá Chelsea, bom dia! – cumprimentou ele, seu tom amargo, dava impressão de que tinha acordado de mal humor.

A garota notou que mais três pessoas estavam junto de Taro. Uma senhora loira, seu cabelo era bem curto, tinha um belo vestido azul escuro com babados. Mas que mais chamava atenção nela, além de seus olhos que levemente azulados, era um colar com uma magnífica pedra, que brilhava intensamente, na cor vermelho sangue.

Os outros dois eram homens, um deles, grandalhão e meio calvo, sendo careca apenas na parte de cima da cabeça. Seus fios levemente acinzentados davam a entender que sua idade era bem menor que a de Taro. O seguinte parecia ter a mesma idade da senhora, sua roupa roxa, possuía um detalhe em lilás, combinando perfeitamente com ele. Seus cabelos estavam presos em forma de coque, eles eram pretos como a barba.

- Quero te apresentar algumas pessoas Chelsea – disse Taro e em seguida direcionou seu olhar para os demais. Um a um, eles foram se apresentando.

- Meu nome é Mirabelle, sou dona do mercado de animais. Quando quiser comprar ração e animais, venha falar comigo - ela sorria bem gentilmente, sua voz calma, fazia Chelsea se lembrar da mãe. – Minha loja abre todos os dias, com exceção dos sábados.

- Me chamo Chen, vendo mercadorias variadas, como sementes e mantimentos. Somente não abro as sextas-feiras. – os olhos de Chen eram bem puxados, sendo difícil saber a cor exata de sua íris.

- Nome... Gannon. Função, carpinteiro. Fecho aos domingos. – Gannon ainda mais assustador quando falava.

Chelsea olhava para todos, estava sem jeito e envergonhada. Ela tentava pensar nas palavras certas, queria causar uma boa impressão.

– É um prazer conhecê-los – seu rosto que era branco como mármore ganhará uma vermelhidão enorme. A vergonha era intensa.

Mirabelle chegou ao seu lado, pegou as mãos da jovem e com muito carinho novamente lhe sorriu.

- Não precisa ficar envergonhada querida, sei que é estranho. Mas Taro insistiu tanto – suas palavras eram amáveis, Chelsea sabia que a senhora estava sendo sincera. – Seja bem vinda, é ótimo tê-la com a gente!

A gentileza de Mirabelle agradou muito Chelsea, ela percebeu que todos estavam lhe dando votos de boas vindas. Até Gannon começou a sorrir, levando embora a expressão de poucos amigos que ele exibia minutos atrás. A jovem se animou. Uma sensação maravilhosa lhe percorria no coração, de aconchego e amor, parecia que estava em casa.

Sammysam Rosa

Escrito por:

Sammy. Casada e apaixonada por livros. Gosto de literatura policial, suspense e terror. Típica pisciana, sonhadora e curiosa.

5 comentários:

  1. Nossa .. rs , será que é bom ? bom , por enquanto eu to mt interessada em jogos vorazes mesmo !
    ei ,muito bom o seu blog .. ja to seguindo !

    www.i-tudo-i-tudo.blogspot.com
    ah! se puder , visita e segue la ? bj

    ResponderExcluir
  2. adoreeei o post que divo !

    adorei o blog e ja to seguindo, se puder seguir de volta !

    http://garotoonerd.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Adorei seu blog, você escreve muito bem.
    Estou seguindo, beijos!

    http://garotasindiscretas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. gostei...
    segue e visita meu blog?
    http://allaboutswag-blog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. aii que legal, vc escreve super bem^^

    falando nisso, eu publiquei uma entrevista com uma escritora de contos, acho que vc vai gostar^^

    beijooos

    ResponderExcluir

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!