Sessão - Seu Livro no Diae (Apanhando Amoras) - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: Sessão - Seu Livro no Diae (Apanhando Amoras)

Sessão - Seu Livro no Diae (Apanhando Amoras)

15/01/2013

Apresentarei para vocês, um livro que também se encontra em minha wishlist. Desde que vi no catalogo da editora, fiquei fascinada pela sinopse. Para essa divulgação, vamos conhecer trechos e o prólogo da obra. Quero agradecer o autor por ter entrado em contato, para compartilhar conosco seu livro. Espero que gostem!

Autores que queiram ter seus livros divulgados, é só acessar esse link (www) e conhecer a Política de Divulgação do blog. E para aqueles que escrevem fanfics, contos, oneshots, crônicas, e queiram ser divulgados também, é só acessar aqui: (www).


Título: Apanhando Amoras
Autor: Valdir O. Ferreira
Editora: Modo
Onde Comprar: (www)
Skoob: (www)
Sinopse: Clarisse, uma jovem sem maldade, aos 16 anos se apaixona profunda e prematuramente por Marcelo, um moço da cidade e, por puro capricho, decide seduzi-la. Eduardo, um psiquiatra angustiado por conflitos profissionais e conjugais, será uma peça importante no desenlace da estória de Clarisse mesmo sem conhecê-la. Atormentado por visões e sonhos onde vê a jovem com um bebê, tentando se jogar de uma ponte... Acredita conseguir mudar o destino de Clarice, empreendendo uma jornada em busca de informações sobre sua real existência, ao mesmo tempo em que tenta dar sentido a sua própria vida. Até que ponto a estória de Clarisse é real para Eduardo? Conseguirá ele salvá-la de seu destino ou tudo não passa de um simples pesadelo?


Trechos:

Clique na imagem para ampliar
Clique na imagem para ampliar
Clique na imagem para ampliar 


PRÓLOGO DE APANHANDO AMORAS
                
 De repente, o trânsito ficou interrompido. Os carros foram parando um a um. As pessoas desciam de seus veículos e, admiradas, olhavam para o rio, agora sereno. Olhavam-se e se perguntavam o quê teria acontecido, o porquê da correria. Quando ficavam sabendo do ocorrido, consternavam-se. Um rapaz afoito preparou-se para se atirar no rio, mas foi contido por um senhor. Já não se podia fazer mais nada. Àquela altura, ela já devia estar bem longe. A correnteza, apesar da mansuetude da água, era muito forte. 

Debruçado na mureta, eu ainda olhava para as águas, e, perplexo e transtornado, repetia para mim mesmo: 

— Quase consegui! Mais alguns minutos e eu teria evitado! Eu a teria segurado, mas não houve tempo. Tudo foi tão rápido! Meu Deus! Ela tinha a idade da minha filha! 

Vi seu corpo sendo arrastado pelas águas. Nunca vou esquecer aquele rosto. Mais carros iam parando, e as pessoas que chegavam teciam todo tipo de comentários. Queriam saber o que havia acontecido e perguntavam aos presentes. Outros apenas observavam, mudos. O rapaz que quisera jogar-se no rio é quem contava os detalhes. Ele havia chegado logo depois de mim. Os curiosos olhavam para o rio, abanavam a cabeça. 

— Quem faria isso? - indagou, incrédulo, um sujeito. 

— Quanta loucura! Essa jovem devia estar drogada! - exclamou uma mulher para o marido. Ela ainda aproveitou para lembrá-lo de que tinham uma filha e que ela, a menina, vinha tendo reações estranhas e que permanecia o tempo todo no quarto. Ouvi-lhe dizer para o marido que, de repente, teve a impressão de que viveria algo parecido. Ela segurou no braço do marido e puxou-o de volta para o carro. Não queria ficar ali.   

Ainda debruçado na mureta, eu tentava entender: 

— Meu Deus! Outra vez não! ­- por um segundo, veio-me à mente a figura de Paulo. 

Ouvi quando um homem comentou com uma mulher que estava ao seu lado: 

— Quanta estupidez! 

Virei-me para ele e disse-lhe, desolado, olhando para baixo: 

— O que poderia justificar tamanha estupidez? O sofrimento? A dor? A rejeição? 

O homem me olhou e disse: 

— Como gostaria de saber os motivos de tal desgraça! 

Um homem de estatura baixa, calvo e de olhos brilhantes, olhando também para as águas barrentas, disse: 

— Não é a primeira vez e nem será a última. Algumas pessoas acham de morrer se jogando desta ponte. Há menos de dois anos, um rapaz se jogou daqui e, só depois de três dias, encontraram o corpo. 

Fechei os olhos e Paulo, outra vez, veio à minha mente. Vi seu rosto desfigurado pela angústia e pelo mistério. O que o teria levado a cometer essa mesma estupidez? Pensei. Até agora, ainda não tinha encontrado a resposta. “ (Continue Lendo)

Sobre o autor Valdir O. Ferreira:


Meu nome é Valdir O. Ferreira. Nasci em 15 de novembro de 1954. Moro em Cambuí, Minas Gerais desde sempre. Casado pela segunda vez, tenho 3 filhos do primeiro casamento: Eduardo, Ricardo e Rafael. Sou funcionário público municipal (cirurgião dentista). Atualmente curso Letras (Inglês) em EaD pela Universidade Federal de Lavras e ao mesmo tempo faço o Curso Técnico em Reabilitação de Dependentes Químicos também em EaD pelo Instituto Federal do Paraná. Nas horas vagas, escrevo romances, contos e peças de teatro. Tenho três livros em publicação sob demanda pelo Clube de autores. São eles: Apanhando Amoras (Romance) Voz do vento (Romance) e Estranho embora íntimo (contos) estou finalizando um terceiro romance cujo titulo é: Antes que Termine o Dia. Sou Espírita. Sou introspectivo e intuitivo. Leio bastante e gosto muito de cinema e teatro.
Redes Sociais:

Twitter: (www
Blog: (www
Skoob: (www) 
Facebook: (www)  
Fan Page: (www

5 comentários:

  1. A editora Modo anda caprichando nas capas de seus livros e com esse não seria diferente, achei muito linda. Gostei da sinopse e achei até um pouco diferente do que ta por ai hoje.

    Bjs, @dnisin
    http://diamanteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Parece um livro muito legal. Vou adicionar no skoob ^^

    ResponderExcluir
  3. Oi sammy, faz tempo que não comento aqui, desculpa por isso, mas a ausência de comentário não significa que não ame seu blog. Pelo contrário, sou apaixonada por ele!

    Amei a sinopse e os trechos do livro, achei envolvente e fascinante o contexto da obra e acho q deve ser uma ótima aquisição XD

    Indiquei vc a uma TAG que recebi e achei gostosinha de responder...aqui está o link e qualquer coisa só falar comigo http://pingentesdeilusao.blogspot.com.br/2013/01/selinho-e-tags.html

    ResponderExcluir
  4. Oi
    Quero muito ler esse livro. Quando li a sinopse tambem fiquei encantada. Parece trazer uma história muito emocionante e dramatica!
    Bj
    -----
    Tem um selo no blog Leitura de Ouro para você
    http://leituradeouro.blogspot.com.br/2013/01/selo-premio-dardos.html

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Quero muito ler esse livro, não me pergunte exatamente o porque,acho que é coisa de leitor! rs
    http://mundoliterando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!