Resenha: Enfeitiçadas - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: Resenha: Enfeitiçadas

Resenha: Enfeitiçadas

13/02/2014


Título: As Enfeitiçadas
Subtítulo: As Crônicas das Irmãs Bruxas - Livro 01
Edição: 1
ISBN: 9788580412307
Autora: Jessica Spotswood
Editora: Arqueiro
Ano: 2014
Páginas: 272
Avaliação:
Sinopse: Antes do alvorecer do século XX, um trio de irmãs chegará a idade adulta, todas bruxas. Uma delas terá o dom da magia mental e será a bruxa mais poderosa a nascer em muitos séculos: ela terá poder suficiente para mudar o rumo da história, para suscitar o ressurgimento do poder das bruxas ou um segundo Terror. Quando Cate descobre esta profecia no diário de sua mãe, morta há poucos anos, entende que precisa repensar seus planos. Qual será a melhor opção: servir a Irmandade, longe dos olhos vigilantes dos Irmãos Caçadores de Bruxas, aceitar uma proposta de casamento que lhe garanta proteção e segurança ou abandonar tudo e viver um grande amor proibido?
Prepare-se para se encantar com os jovens pretendentes de Cate, abominar o ódio e a repulsa que os Irmãos dedicam a meninas e mulheres, e aguardar ansiosamente pela sequência de As Crônicas das Irmãs Bruxas.

Uma antiga profecia relata que antes do século XX, um trio de irmãs chegaria a idade adulta, todas bruxas. A mais forte delas será dotada de magia mental e terá força suficiente para trazer as bruxas de volta ao poder, ou o surgimento de um segundo terror...

Cate já possui preocupações demais, com um pai ausente, ela é a única capaz de proteger e orientar suas irmãs, uma tarefa que prometeu a mãe, antes que a mesma falecesse. Todas as três são bruxas e correm riscos a cada dia que passa. Em uma sociedade onde as mulheres não têm voz, e as que mostram repudio para as leis do Senhor, são acusadas de bruxaria e condenadas a um destino de terror.

Cate nunca quis ser uma bruxa, mas sendo esta a sua realidade, ela teme por si e suas irmãs. Quando ela descobre sobre a profecia e os segredos que a Mãe não lhe confidenciou em vida, Cate fica abalada, mas precisa tomar uma decisão. Disposta a impedir que a segunda parte da profecia venha a se cumprir, Cate ainda precisa lidar com inúmeros mistérios que assolam seu caminho, é preciso cuidado e cautela.

Não há um meio de modificar o destino sem um sacrifício...

Começo dizendo que este é um, se não o melhor romance histórico que eu já li. Jessica Spotswood criou um enredo mágico (literalmente), que uni a atmosfera vitoriana e as bruxas. Suas bruxas são temidas, poderosas e caçadas a todo custo, eu fiquei deslumbrada com o ar antigo que a autora empregou em seu livro; Suas palavras fluem instantemente e fui sugada por sua história cercada de segredos, profecias e personagens instigantes, bem pelo menos a maioria são ótimos, somente não simpatizei muito com Cate e Maura... 

O modo como às bruxas de Jessica fazem sua magia é bem interessante, algumas utilizam palavras e outras com o próprio poder da mente; Os sentimentos de cada bruxa interferem em seus poderes, seja benéfico ou não, e achei interessante essa colocação em relação os poderes. 

O romance que a protagonista (Cate), vive é bem leve, o amor aflora naturalmente, revelando a pureza da primeira paixão. Voltando a falar dos personagens, explicarei por que não simpatizei com Cate, achei essa personagem pouco atrativa, explosiva e que age por impulso, de fato ela sufoca a maior parte do tempo, sua irmã Maura, é egoísta e invejosa. Conforme descobrimos mais sobre a profecia, e como ela se encaixa nas três irmãs, podemos já ter uma noção do que esperar, mas acredito que a autora vai surpreender nos próximos livros, pois o final de Enfeitiçadas dá uma guinda na história em geral. 

A narrativa em primeira pessoa é feita por Cate e vemos seus sentimentos intensos, principalmente em relação a suas irmãs. Mesmo não tendo simpatizado com ela, eu achei que esta personagem é bem peculiar e espero grandes feitos dela nos próximos livros. Agora a maior surpresa foi Tess, a imã caçula, apesar de parecer uma criança inofensiva no início, dotada de poderes, Tess chama muito a atenção, é madura e observadora, espero que a autora de mais atenção à pequena daqui por diante, afinal, essa personagem é a chave de grandes mistérios. 

Em relação à diagramação, a editora Arqueiro caprichou, os capítulos possui ornamentos e detalhes delicados, ficou lindo! A revisão está impecável e só tenho a agradecer a editora por trazer essa série, que instiga seu leitor, fazia tempos que eu não lia nada parecido com a premissa de Enfeitiçadas e aguardo ansiosamente o segundo livro! 

***

Esta postagem conta pontos para o Top Comentários de Fevereiro. Se você esta participando, não deixe de comentar e garantir seus pontos para concorrer aos livros Adeus à Inocência e Aconteceu em Paris.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!