Resenha: Amigas para Sempre - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: Resenha: Amigas para Sempre

Resenha: Amigas para Sempre

15/03/2014


Título: Amigas Para Sempre
Subtítulo: Firefly Lane - Livro 01
Edição: 1
ISBN: 9788580412512
Autora: Kristin Hannah
Editora: Arqueiro
Ano: 2014
Páginas: 448
Avaliação:   
Sinopse: Tully Hart tinha 14 anos, era linda, alegre, popular e invejada por todos. O que ninguém poderia imaginar era o sofrimento que ela vivia dentro de casa: nunca conhecera o pai, e a mãe, viciada em drogas costumava desaparecer por longos períodos, deixando a menina aos cuidados da avó. Mas a vida de Tully se transformou quando ela se mudou para a alameda dos Vaga-lumes e conheceu a garota mais legal do mundo. Kate Mularkey era inteligente, compreensiva e tão amorosa que logo fez Tully sentir-se parte de sua família. Ao longo de mais de trinta anos de amizade, uma se tornou o porto seguro da outra. Tully ajudou Kate a descobrir a própria beleza e a encorajou a enfrentar seus medos. Kate, por sua vez, a ensinou a enxergar além das aparências e a fez entender que certos riscos não valem a pena. As duas juraram que seriam amigas para sempre. Essa promessa resistiu ao frenesi dos anos 1970, às reviravoltas políticas das décadas de 1980 e 1990 e às promessas do novo milênio. Até que algo acontece para abalar a confiança entre elas. Será possível perdoar uma traição de sua melhor amiga? Neste livro, Kristin Hannah nos conta uma linda história sobre duas pessoas que sabem tudo a respeito uma da outra – e que por isso mesmo podem tanto ferir quanto salvar.
Na alameda dos Vaga-Lumes, elas eram conhecidas como a dupla TullyeKate, eram inseparáveis, faziam tudo juntas, mas antes que essa bela amizade florescesse, ambas passaram por muitas provações. Tully Hart somente desejava uma coisa: O amor da mãe. Abandonada por diversas vezes, Tully foi criada pela avó, até que sua problemática mãe retorna para sua vida. Quando ela se muda para a alameda dos Vaga-Lumes, tudo passa a ser diferente, essa era a primeira vez que passava tanto tempo com a mãe, mas esta não era a razão da sua felicidade e sim a vizinha do outro lado da rua; Katie foi a única que lhe deu apoio e compaixão, a amiga perfeita, as duas precisavam disto, de uma amizade sincera.

Kate Mularkey não tinha amigos, ela era esnobada na escola, um fantasma para seus colegas. No entanto, assim que Tully chegou a sua vida, tudo mudou, finalmente compreendia o que era ter uma melhor amiga. Uma amizade forte, duradoura e compartilhada de segredos, Tully e Kate sabe tudo uma da outra. Será que esse sentimento tão bonito pode ofuscar o que uma quer para a vida, enquanto a outra deseja um futuro para ambas juntas?

Kristin Hannah possui uma escrita tão fluida e delicada, que traz ainda elementos de realidade em seu livro. Ela faz com que Amigas para Sempre se torne uma história inesquecível. Suas personagens são tão bem trabalhadas, e cada uma tem um papel fundamental na trajetória da obra, que apresenta uma amizade inigualável.

A narrativa é feita em terceira pessoa, mostrando cuidadosamente os passos dessa dupla, TullyeKate, a qual é dividido em partes e cada uma conta um ano diferente. Com sua escrita leve, Kristin nos transporta para um mundo cheio de aprendizado, as páginas de sua história vão passando rapidamente, e quando é dado conta, Amigas para Sempre já acabou.

Trazendo questões como amor, sexo e drogas, a autora os insere em sua trama de uma forma, dura e real, que a carga de emoção chega ser muito grande. Eu me sensibilizei em vários momentos e posso dizer que Amigas para Sempre é um livro sensível, onde podemos tirar grandes lições. 

***

Esta postagem conta pontos para o Top Comentarista de Março 2014. Se você esta participando, não deixe de comentar para garantir seus pontos e concorrer ao livro Enders.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!