Noticiário Literário: Editora Biruta, Editora Gaivota e Editora Quatro Cantos (Lançamentos) - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: Noticiário Literário: Editora Biruta, Editora Gaivota e Editora Quatro Cantos (Lançamentos)

Noticiário Literário: Editora Biruta, Editora Gaivota e Editora Quatro Cantos (Lançamentos)

18/05/2014

Editora Biruta

Em uma cidade do interior da Estônia, Arno Tali e seus amigos farão incríveis descobertas enquanto aguardam a chegada da estação mais esperada do ano: a Primavera. 
Entre aulas de matemática, histórias de terror, festas de batizado e batalhas de bolas de neve, o livro contará o dia a dia desses meninos e meninas que levam um estilo de vida simples (e muito divertido!).  
A narrativa, sensível e detalhada, se passa em um colégio paroquial e traz vários aspectos da cultura estoniana e das influências herdadas da cultura russa, como lendas populares, músicas, a língua e o modo de vida no campo, no início do século XX.  A tradução da obra para o português foi feita diretamente do idioma estoniano, o que enriqueceu ainda mais os aspectos culturais de Primavera, bem como as ilustrações, em preto e branco, que caracterizam o estilo rural da época da narrativa.
Apesar de ser uma história temporal, as crianças de hoje em dia conseguem facilmente criar relações com os personagens, mediante o contato entre os jovens, as brincadeiras e travessuras, as relações familiares e as semelhanças das dificuldades em crescer. Por isso, este é considerado um romance universal, abrangendo temas de todas as culturas.
Primavera é um clássico da literatura estoniana e é comparado a Charles Dickens (Oliver Twist) e Mark Twain (As Aventuras de Tom Sayer). 

Sobre o autor
Oskar Luts é o maior nome da literatura infantojuvenil estoniana e é o autor preferido de várias gerações. Seu primeiro e mais famoso livro é Primavera, escrito em 1912-1913. O romance tem desempenhado um papel importante em reavivar o sentimento de identidade nacional nos estonianos. 

Sobre o ilustrador
Sandra Jávera é artista gráfica, nasceu em 1985 e formou-se em Arquitetura na Universidade de São Paulo, em 2011. Ilustra livros para diferentes editoras e, além disso, já colaborou com jornais como a Folha de S. Paulo e com diversas revistas como Pesquisa FAPESP, Bravo! e TPM.

Sobre o tradutor
Paulo Chagas de Souza é professor no Departamento de Linguistica da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, onde fez sua graduação, além do mestrado e doutorado em Linguística. Durante o doutorado, Souza passou um ano estudando na Stanford University, em Palo Alto, na Califórnia, e em 2008 e 2009 fez pós-doutorado na Universiteit Leiden, na Holanda.

Sobre a Editora Biruta
A Editora Biruta, criada no ano 2000 pelas sócias Eny Maia e Mônica Maluf, tem seu foco na Literatura Infantil e Juvenil. Seus livros já receberam diversos prêmios, como o Altamente Recomendável da FNLIJ (Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil) e o Jabuti, além de terem sido incluídos em catálogos internacionais e selecionados pelo PNBE (Programa Nacional Biblioteca da Escola). A proposta da Editora Biruta é a de oferecer aos seus leitores o melhor texto, ilustrações criativas e projetos gráficos instigantes, por meio de temas que lhes acrescentem novas vivências e se abram a múltiplas interpretações – sempre de maneira lúdica e inventiva.

Primavera, Oskar Luts, R$ 49,90, ISBN 978-85-7848-138-4, a partir de 10 anos, 432 páginas.

***

Editora Gaivota



O personagem dessa história é Marcelo: brasileiro, descendente de japoneses e, como grande parte da população brasileira, é também um apaixonado por futebol. Vivia uma infância comum e tranquila, até o dia em que virou piada entre os colegas por usar uma camisa amarela da seleção brasileira. Desde então, passou a ser visto como um garoto sem identidade “que torce pelo time de outro país”. Mas, ao invés de se deixar abater, o garoto foi atrás de suas raízes para tentar entender o motivo da gozação dos colegas.
Nessa busca, Marcelo acaba descobrindo a importância de respeitar a diversidade das raças e culturas do povo brasileiro. Além disso, seu amor pelo futebol o transforma em um craque das quadras e campos, conquistando o público com suas habilidades. Após concluir o ensino médio, decide cursar jornalismo e, finalmente, realiza o sonho de se tornar um cronista esportivo, aproveitando a oportunidade para homenagear a seleção brasileira em sua primeira crônica.
De maneira simples, os autores tratam de temas como a imigração japonesa e sua cultura inserida no Brasil, relações familiares, preconceito racial, bullying e a importância de não abandonar os sonhos.
Em pleno cenário de Copa do Mundo, Gílson Yoshioka e Myriam Chinalli prendem a atenção do leitor com uma escrita que provoca reflexões profundas a respeito do comportamento dos brasileiros em relação aos imigrantes. As ilustrações de Rafael Antón completam a obra literária promovendo sensibilidade e identidade, assim como o projeto gráfico que remete aos símbolos do futebol e à bandeira brasileira, representada nas cores azul e amarela.
O prefácio de Tostão, eterno craque da seleção brasileira e campeão mundial na Copa do Mundo de 1970, presenteia a obra, ressaltando a sensibilidade da linguagem utilizada e a exposição tão sincera da temática.


Sobre os autores
Gílson Yoshioka é escritor e jornalista, pela Faculdade Cásper Líbero, em São Paulo (SP), e autor dos livros Trocando os pés pelas mãos – O futebol e a vida nas crônicas de Tostão, e Frugais transgressões (no prelo).
Myriam Chinalli é escritora e psicanalista, pelo Instituto Sedes Sapientiae, em São Paulo (SP). Participou do Laboratório de Estudos sobre a Intolerância (FFLCH-USP). É consultora de ONGs ligadas à defesa dos direitos humanos e coautora de livros infantis voltados para a formação da cidadania.

Sobre o ilustrador
Rafael Antón nasceu na Galícia, Espanha. Já morou em Madri, Munique e agora vive em São Paulo. Trabalha para produtoras de cinema e agências de publicidade com criação de storyboards, animatics e ilustrações em geral.

Sobre a Editora Gaivota
A Gaivota, selo da Editora Biruta criado em 2011, prima pela qualidade literária, projetos gráficos ousados, instigantes, e ilustrações que encantam. Mas o desafio vai além: abordar de maneira lúdica temas muitas vezes considerados complexos ou desinteressantes, com o intuito de aproximar crianças e jovens de assuntos que parecem distantes de seu cotidiano. Esse foco não exclui obras que estimulem a fantasia e inspirem a aventura – por isso apresentamos aos jovens leitores aquilo que há de melhor na literatura infantojuvenil nacional e estrangeira, com livros premiados nacional e internacionalmente.

A Camisa Amarela da SeleçãoBrasileira, R$ 29,90, 44 páginas, a partir de 8 anos.

***

Editora Quatro Cantos



Sinopse: Seu pesadelo foi você quem inventou! é um texto pioneiro porque apresenta para as crianças os mecanismos dos sonhos, sob a óptica psicanalítica. Rosana Martinelli criou o livro por acreditar que o conhecimento básico do funcionamento da psiquê deva ser amplamente divulgado, de maneira clara e descomplicada para os leigos e, por que não, para crianças, como agente linitivo para medos, ansiedade e culpa. O impulso inicial foi ter passado, na vida real, por um episódio muito parecido
com a história do livro, quando sua filha mais velha teve um pesadelo. Conceitos básicos como inconsciente, id, ego e superego são introduzidos na história que conta a angústia da menina Ioiô depois de ter um pesadelo. A mãe da menina promove, de maneira simples e divertida, uma explicação de como e por que os sonhos acontecem, o que acaba por diminuir o afeto negativo que os pesadelos provocavam na garota.

Informações:

Seu pesadelo foi você quem inventou!
Autora – Rosana Martinelli
Ilustradora – Clara Gavilan
Acabamento – capa dura, lombada 0,8 cm
Formato – 22 cm 3 22 cm
Peso – 341 g
Páginas – 40
Preço – R$ 38,00
Literatura Infantojuvenil
ISBN 978-85-65850-08-7
Faixa etária – a partir de 6 anos

***

Gostaram? Não deixem de comentar, sua opinião é muito importante! Esta postagem conta pontos para o Top Comentarista de Maio 2014. Se você esta participando, não deixe de comentar para garantir seus pontos e concorrer aos livros, A Casa do Céu ou Um conto do Destino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!