Resenha: O Tempo que Nunca Foi (Amber House, volume 2) - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: Resenha: O Tempo que Nunca Foi (Amber House, volume 2)

Resenha: O Tempo que Nunca Foi (Amber House, volume 2)

06/01/2015


Título: O Tempo Que Nunca Foi
Sub-título: Amber House II
Edição: 1
Autoras: Kelly Moore, Tucker Reed, Larkin Reed
Editora: Jangada
ISBN: 9788564850705
Ano: 2014
Páginas: 320
Avaliação:  
Onde Comprar: Amazon
Sinopse: Depois da morte da avó, Sarah Parsons vai morar em Amber House, a centenária propriedade que pertence à sua família há gerações. Mas Sarah começa a ter uma sensação de que algo está de alguma forma errado. As coisas estão melhores para Sarah e sua família, mas outras estão muito diferentes e não mudaram para melhor. Com memórias confusas e uma enorme sensação de déja-vu, Sarah percebe que fez uma escolha que transformou tudo - e agora ela tem que escolher tudo outra vez. Com a ajuda de Amber House, que lhe traz visões de seus antepassados, e seu amigo de infância, Jackson, ela consegue se lembrar de como as coisas deveriam ser e planejar uma ousada missão que vai redefinir o universo mais uma vez. Sarah precisa descobrir o que mudou e como pode corrigir isso, antes que seja tarde demais.
Sarah sentia que havia algo errado, muita coisa estava diferente e apesar de tudo parecer melhor para ela e sua família, tinha uma peça que não se encaixava. Ao ir morar em Amber House, a importante casa que pertence a sua família a gerações, a sensação de desconforto paira sobre Sarah, nada daquilo estava certo. Em um mundo onde o nazismo é presente e o país ainda luta contra o racismo, Sarah sabe que de alguma forma, essa realidade não é a verdadeira.

A cada dia a jovem descobre um fragmento, uma peça perdida que pouco a pouco vão restaurando sua memoria e então percebe que a escolha que fez mudou a realidade! Havia outro tempo, uma realidade mais justa que atual. Mas esses ecos de um tempo que nunca existiu podiam voltar? Com as mensagens que Amber House vai lhe deixando, Sarah compreende que é preciso voltar novamente para a realidade verdadeira, para o tempo que nunca existiu, mas para isso é preciso correr, antes que seja tarde demais.

Na continuação de Amber House, as autoras Kelly Moore, Tucker Redd e Larkin Reed novamente surpreende o leitor com uma trama riquíssima, envolvente e cheia de segredos. Em meu primeiro contato com Amber House, fiquei apaixonada, o enredo tão bem construído, que cativa ao ser lido, afinal, a história é amarrada, intensa e mágica. Nesta continuação, as autoras conseguiram manter a essência do primeiro livro, a fluidez tão presente que me fez ler euforicamente Amber House I é ainda mais marcante nesta continuação, que preenche as lacunas deixadas por seu antecessor. No entanto, O Tempo que nunca foi termina com mais perguntas e estou ansiosa pelo desfecho, para saber a conclusão dessa história que amei desde a primeira página.

Com uma narrativa rápida, simples e ao mesmo tempo profunda, as autoras tecem um enredo tão intenso, com universo paralelo, mistério e romance, que fazem de Amber House II, um livro sensacional, é preciso ler para compreender a sagaz história de Sarah. 

Sammysam Rosa

Escrito por:

Sammy. 29 anos, casada e apaixonada por livros. Gosto de literatura policial, suspense e terror. Típica pisciana, sonhadora e curiosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!