Resenha: Checho de Anita - Adriana Vargas - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: Resenha: Checho de Anita - Adriana Vargas

Resenha: Checho de Anita - Adriana Vargas

22/02/2016


Edição: 1
Editora: EllA
ISBN: 978.85.8405.043-7
Ano: 2015
Páginas: 250
Avaliação:    
Sinopse: Anita é bookaholics assumida, e essa paixão pelos livros a fez criar o projeto Literando, o qual realiza pedalando pela ruas da cidade, para transmitir a mensagem de um livro ao seu escolhido. Mas, de repente tudo muda em sua pacata vida ao se apaixonar por alguém que não conhece... Ela quis ser a “Anita de Checho”, e responde às cartas que chegam até ela por um simples erro do endereçador. Ani desafia a família que tenta impedi-la, e foge para São Sebastião a fim de se encontrar com seu futuro amor, vivendo 48 horas como se fossem as últimas. Após seu retorno para casa, algo perturbador a aflige - como fumaça, Checho aparece e desaparece de sua vida, e sua missão agora é descobrir o que de tão estranho acontece, que os impede de ficarem juntos.
Neste romance sobrenatural, carregado de emoções delicadas e amor pelos livros, nascem os sonhos e o desejo de realizá-los.
Este é o sexto livro da autora Adriana Vargas que tive o prazer de ler, para quem não sabe, Vargas é uma das minhas escritoras prediletas, gosto da maneira poética e singela que ela escreve, sabendo exatamente como atingir o leitor e nos fazendo sentir tudo que seus personagens vivem na história. Checho de Anita é uma obra que eu estava ansiosa para ler, afinal, conheço o estilo de escrita da autora e sabia que encontraria uma história que iria apertar meu coração, ao mesmo tempo em que é bonita e cheia de significados, Checho de Anita me proporcionou todos esses sentimentos e apesar de ter gostado do livro, alguns pontos ficaram a desejar em minha opinião.

Anita é uma leitura assídua, apaixonada por livros, muito sonhadora e romântica. Disposta a levar adiante o projeto Literando, a qual indica seus livros favoritos aos moradores da cidade, uma resenha falada e se a pessoa em questão mostrar interesse na obra, Anita a presenteia com o livro. A vida da jovem é em prol da literatura, ela personalizou sua bicicleta com capas e até trechos de seus livros prediletos e adora escolher a música favorita para embalar seu trabalho. No entanto, o destino tem um caminho diferente para esta jovem leitora. Após receber uma carta por engano, destina a outra Anita, a moça sente uma estranha conectividade com o remente da mensagem.

As palavras de Checho mexem com Anita, são doces, apaixonadas e belas. Anita então deseja ser a Anita de Checho e resolve responder a carta. Depois de várias mensagens trocadas, Anita percebe que está apaixonada por Che e escolhe viver esse amor da forma mais intensa possível. Mas será que ela está pronta para encarar os desafios e obstáculos dessa grande paixão?


Checho de Anita é um romance com elementos de drama e sobrenatural, toda trama possui uma parte mística em relação ao sobrenatural e apesar de ser bem interessante e até diferente de outros livros do gênero, ficou um pouco fantasioso demais em alguns momentos e até confuso, fica um pouco difícil explicar exatamente o motivo, pois posso revelar partes cruciais do enredo, afinal, Checho de Anita possui inúmeros mistérios, envolvendo não apenas Anita e Che, mas também personagens importantes e garanto, esses segredos são surpreendentes e é bom não estragar a surpresa de quem for ler. Além dos nossos protagonistas, temos outros personagens que compõe a história e são peças fundamentais, como os pais de Anita e a obsessão que eles tem de protege-la, há um motivo para tanto zelo e até um afastamento da mãe e fiquei comovida quando enfim foi revelado o porquê de todo o desprezo que a mulher até então sentia pela filha; Além deles, também temos Andreas, o personagem mais cativante de todo enredo. Andreas é o porto seguro de Anita, aquele que lhe dará mais forças nos momentos mais difíceis que a protagonista viverá, Andreas é um rapaz forte, amigo e doce, o leitor rapidamente simpatiza com ele e sem dúvidas, Andreas é o que tem de melhor no livro, principalmente sobre sua história e qual a ligação com Anita.


O romance de Anita e Checho, apesar de bonito e muito bem descrito por Adriana Vargas, não consegui-me convencer, o relacionamento deles foi um tanto apressado demais, apesar de sabermos que houve a troca de cartas entre eles, não foi focado nesse detalhe, houve algumas mensagens ente eles na trama, mas foram poucas, acredito que se esse ponto do romance fosse mais enfatizado teria sido mais fácil de simpatizar com o relacionamento dos protagonistas, pelo menos para mim. Mesmo que Che demostrasse seu amor pela jovem e estava disposto a tudo por ela, até mesmo enfrentar os costumes de sua família, não me senti comovida por esse sentimento, nem mesmo a parte que coube a Anita. No entanto, Anita e Checho não é o casal principal da história, há outro romance no livro e este sim foi mais palpável e surpreendente, começou inocente, como uma amizade e evoluiu para algo mais concreto, lindo e maravilhoso, fiquei emocionada nesta parte em especial do enredo, pois foi um sentimento que cresceu ao longo das páginas e este tipo de romance que me comove e envolve.

Mas mesmo que alguns aspectos de Checho de Anita não tenham me agradado, não nego que a obra é boa, depois que o clímax chega, fica impossível desgrudar do livro e como mencionei no início da resenha, a autora sabe como mexer com o leitor, fiquei muitas vezes com o coração na mão, ansiosa para saber o destino de Anita e os demais personagens, desejando um final feliz e fiquei extremamente feliz com o desfecho, que foi lindo e romântico. Checho de Anita é uma obra que exala poesia, amor e mensagens lindas, o fato de a autora ainda unir a paixão pelos livros e uma protagonista apaixonada pela literatura foi ótimo, adorei o projeto Literando e os livros que são mencionados, temos clássicos e títulos atuais e além da literatura, há menções sobre músicas, Anita e Andreas tocam violino e em vários momentos do enredo, é citado músicas e compositores de que eles gostam, esse cuidado da autora em inserir estes elementos deixou o enredo ainda mais especial. 

Checho de Anita, possui uma capa bem legal e que combina com o enredo, mostrando Ani e sua bicicleta, provavelmente praticando o projeto literário. A parte gráfica do livro, possui uma diagramação bonita, ornamento nos capítulos, primeira letra destacada e detalhes nos números das páginas, mas a formatação deixou a desejar, as letras são pequenas demais, fazendo com que os parágrafos ficassem muito próximos e margem interna está muito estreita;


Entrei erros na revisão também, como ortografia e digitação, palavras com letras trocadas por exemplo. No entanto, apesar de ter ficado um pouquinho incomodada com estes pontos, não acabou prejudicando minha leitura e ao término, fiquei satisfeita com a história. Recomendo a leitura, principalmente para aqueles que gostam de um romance com dramas e elementos sobrenaturais, e se você procura uma história que mexa com seus sentimentos também aconselho a conhecer Checho de Anita.

Sammysam Rosa

Escrito por:

Sammy. 29 anos, casada e apaixonada por livros. Gosto de literatura policial, suspense e terror. Típica pisciana, sonhadora e curiosa.

16 comentários:

  1. Nossa, adorei sua resenha! Quero mt ler esse livro e tirar minhas conclusões .

    ResponderExcluir
  2. Oi Sammy.
    Eu fiz parceria com a autora para resenhar este livro, se bem que quem vai lê-lo será a minha colunista. Eu sou apaixonada pela capa e pelo nome da protagonista, minha filha também se chama Anita (minha avó também, rsrs). Já havia lido uma outra resenha que assim como a sua, ressaltava alguns pontos não tão positivos, mas que no fim classificava o livro em 4 estrelas. Acredito que eu vá comprá-lo com a a utora pois, com certeza é um livro que quero ter em casa...

    Beijo, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Nossa, cada foto linda. Valorizou demais o post! Eu falei agorinha em outro blog: Ano literatura nacional. Nossos escritores estão arrasando demais. Eu fiquei encantada com essa obra.. Quero ler. Vou procurá-la com toda certeza. Amei a capa também, tem um Q. De romance leve mesmo. Gostei. Vou aproveitar essa dica.

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
  4. Oi Sammy.
    Ainda não tive oportunidade de ler os livros da Adriana Vargas. Esse livro mesmo ela tinha escalado para ler e resenhar para ela, mas até hoje não chegou aqui em casa. É uma pena pois já li vários comentários positivos sobre sua narrativa e tenho muita vontade de conhecer. Pela sua resenha, a história mostrou que vale a pena conferir e capa desse livro eu acho muito bacana. Tomara que ainda eu tenha oportunidade de lê-lo, pois sua resenha desperta interesse pelo livro.

    Bjos

    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oie, tudo bem?

    Eu li o livro, e inclusive, até resenhei no blog. Eu curti bastante a leitura dele, apesar de achara aletra pequena demais. Senti falta de mais trocas de cartas entre eles. E eu simplesmente me apaixonei pelo Andreas. Ele sim ganhou o meu coração! rs

    Beijos,
    Dai | Cheiro de Livro Nacional

    ResponderExcluir
  6. Oi Sammy
    Eu amei a capa desse livro porque me lembra as capas dos livros da Jojo Moyes kkk mas você vem e me diz que esse é o sexto livro da autora e que você já leu todos!!
    Bom eu curto um romance com um toque sobrenatural, na verdade acho que essa é a única forma de eu realmente me agradar de um romance, sim eu leio romances, mas sempre inicio com o nariz torto kkkkk
    Já posso fazer meu shipp? #Andrita? desculpe eu geralmente não sou do contra, porém acredito que quando eu fizer a leitura eu mudaria de ideia quanto ao shipp é muito raro eu não gostar do casal escolhido pelo autor.
    Mas essa Anita é ousada em? Responde uma carta que nem era pra ela e ainda se apaixona pelo cara rsrs ladra de amor alheio, certeza de que eu gostaria desse livro kkkk

    Xo
    Alisson
    Re.View

    ResponderExcluir
  7. Oi!!!

    Que bom que você gosta tanto da autora. Duas coisas me chamaram atenção nesse livro, 1 o nome extremamente diferente e 2 a protagonista ser tão apaixonada por livros. Achei tudo muito atrativo e sim iria ler com facilidade.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi, Sammy!
    Se não fosse por sua resenha, eu provavelmente não saberia que trata-se de um sobrenatural também, a capa é tão delicada e contemporânea que me remeteu a um simples e meigo romance - o que, ainda, bom saber que também está presente no livro, por mais que, infelizmente, o casal principal não tenha te cativado e convencido muito, é mesmo chato quando isso acontece. É sempre bom encontrar personagens que possuem igual amor pela leitura como nós, não é? Acho que por isso só já me identificaria com a protagonista! *---* Ficou muito legal, também, essa nova apresentação das resenhas, as fotos ficaram ótimas, principalmente a última <3
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional ♥

    ResponderExcluir
  9. Ooi! Olha, finalmente a resenha desse livro hahaha Toda vez que entrava aqui fica encucada com o livro que nunca saia da barra lateral.
    Ao que parece ele te causou inúmeros sentimentos, te deixando um pouco bipolar na avaliação. Acho que isso pode ser considerado um aspecto positivo da obra.
    Sempre me perguntei o que era "checo" e agora descobri que é uma pessoa. Interessante esse nome.
    A ideia das cartas é boa, mas se não foi muito bem abordada realmente ficaria estranho o casal estar apaixonados tão rápido assim.
    Beijos
    Sil - Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  10. Não sabia que a autora era tão boa assim, tão poética e tal, eu tinha uma visão errada dela, sabe?
    Eu acho a capa desse livro linda! E vi a autora divulgando, fiquei morrendo de vontade de ler. Eu fico aqui tentando imaginar como fala "Checho" porque ô nominho feio kkkk
    Até interessante a premissa do romance dos dois mas sei lá, o cara mandou a carta pra outra pessoa e se apaixona pela errada? As vezes eu acho isso irreal até demais pra um livro kkk

    beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi Sammy, achei essa história super doida, como assim ela recebe uma carta por engano e se passa por outra Anita? Gostei, bem original. Eu não conhecia a autora, mas já estou ansiosa para ler esse livro. Ainda mais por ter sobrenatural no meio. Obrigada pela dica!


    parado-na-estante.blogspot.com.br
    facebook.com/paradonaestante

    ResponderExcluir
  12. Oii!

    Sam, adorei sua sinceridade! É ótimo saber que mesmo sendo fã da autora, você conseguiu localizar alguns pontos negativos e espero que ela consiga melhorar nos próximos. Eu nunca li nada da autora, mas estou vendo bastante resenhas dessa obra em especifico. Sinceramente, não sei se quero ler. Tô realmente na dúvida.
    Parece ser uma história boa, mas ainda não me conquistou 100%

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Oi Sammy, tudo bem?

    Já tinha visto a capa deste livro, mas nunca li a sinopse.! Realmente uma pena não ter lido antes, porque a história, assim como a capa, parece ser leve, linda e apaixonante! Também não conhecia a autora, mas depois da sua resenha, vou pesquisar mais para conhecer melhor o livro e a escritora!

    Bj
    Keyla - http://www.blogleituraterapia.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oie, Sammysan! Eu gosto muito de romances, mas evito um pouco os dramas, pois me apego muito aos personagens e sofro que nem uma condenada! A história de Ani e Che parece ser muito bonita, apesar de meio forçada em alguns momentos (levando em conta apenas o que vc disse). Fiquei curiosa para saber qual seria o outro casal, pois também amo quando os relacionamentos vão sendo construídos aos poucos, parece mais real e encantador para mim.
    A capa é mesmo linda e a Vargas tem uma escrita deliciosa!
    Beijoos
    Anna - Letras & Versos

    ResponderExcluir
  15. Oi Sammy, tudo bem?

    Eu acho essa capa linda <3. Já vi algumas resenhas do livro e me interessou bastante, é uma pena que o romance entre a Anita e o Checho não te convenceu, e acredito que a mim também não convenceria, não gosto desses relacionamentos que acontecem de repente e não apresentam um bom desenvolvimento... claro que tem a história das cartas, mas pelo que você disse, não foi bem desenvolvida. Já o outro romance, que eu sei com quem, pelo que eu li das outras resenhas, para mim vai ser bem mais agradável, gosto desses relacionamentos que ocorrem gradualmente e naturalmente.

    A parte "sobrenatural" do livro me interessa bastante, pena que ficou um pouco fantasiosa para você e um tanto confusa, mas me deixa curiosa. Mas gostei de saber que a narrativa da autora é envolvente e um tanto poética.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima || Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Esse livro me ganhou pela capa, ela é linda e lembra muito os livros da Jojo, mas infelizmente a minha querencia pelo livro quase acaba por aí, já vi algumas resenhas e sempre citam a mesma coisa, o romance entre os protagonistas não convence, alguns aspectos ficaram um pouco forçados, e o final meio lol.
    Infelizmente não é uma leitura que eu ainda tenha vontade de ler, mas vai que um dia mudo de ideia ^^

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!