Resenha: Nossas Noites - Kent Haruf - Da imaginação à escrita Da imaginação à escrita: Resenha: Nossas Noites - Kent Haruf

Resenha: Nossas Noites - Kent Haruf

11/10/2017


Título: Nossas Noites | Autor (a): Kent Haruf | Editora: Companhia das Letras | Páginas: 160 | Skoob.

Onde Comprar: Amazon | Livraria Cultura

Avaliação: ★★★★

Sinopse: Em Holt, no Colorado, Addie Moore faz uma visita inesperada a seu vizinho, Louis Waters. Viúvos e septuagenários, os dois lidam diariamente com noites solitárias em suas grandes casas vazias. Addie propõe a Louis que ele passe a fazer companhia a ela ao cair da tarde para ter alguém com quem conversar antes de dormir. Embora surpreso com a iniciativa, Louis aceita o convite. Os vizinhos, no entanto, estranham a movimentação da rua, e não demoram a surgir boatos maldosos pela cidade. Aos poucos, os dois percebem que manter essa relação peculiar talvez não seja tão simples quanto parecia. Neste aclamado romance, Kent Haruf retrata com ternura e delicadeza o envelhecimento, as segundas chances e a emoção de redescobrir os pequenos prazeres da vida que pode surpreender e ganhar um novo sentido mesmo quando parece ser tarde demais.

Cortesia em parceria com a editora.

Se você procura uma leitura encantadora, daquelas que levam os sentimentos a flor da pele, tenha em mente que Nossas Noites do autor Ken Haruf precisa ser sua escolha! Com pouco mais de 150 páginas, Nossas Noites é uma obra tocante, até que simples se compararmos com outros livros de renome, só que nem por isso deixa de ser incrível, bela e emocionante. 

Addie e Louis são vizinhos, viúvos e solitários, mas isto muda depois da proposta de Addie para o idoso. Todas as noites Louis visita a amiga, eles conversam sobre o tempo em eram mais jovens, seus sonhos e sentimentos, tudo para que passam viver essa última etapa da vida na companhia de alguém. O fato de ambos nutrirem uma amizade tão forte, uma ligação tão intensa e bonita é o que mais comove o leitor nesta leitura. 

Infelizmente as visitas de Louis não passam despercebidas e é neste ponto em que vemos o quanto as pessoas preferem se preocupar com os outros do que cuidar da própria vida, os vizinhos possam a falar e comentar sobre os dois, mesmo que o casal não se importe com isto, começamos a perceber que infelizmente o final da história pode não ser tão feliz. Confesso que eu gostaria sim de um desfecho diferente, mas compreendo que nem sempre as coisas são como queremos e Nossas Noites mostra isto de uma maneira singela e ao mesmo tempo muito triste. 

A riqueza em transparecer tantos sentimentos faz deste livro um dos mais lindos que tive a oportunidade de ler. A narrativa é envolvente, os capítulos são pequenos e mesmo com uma escrita mais simples o autor consegue fazer com que o leitor fique muito cativado com este casal tão fofo e simpático! Por ser um livro curtinho pode ser lido em algumas horas a quais pode ter certeza vai lhe arrebatar o coração! A respeito da edição, acredito que combine perfeitamente com Nossas Noites, singela, porém na medida, a capa de início me remeteu uma história diferente mas ainda sim gostei de ser surpreendida pelo autor e de ter lido um enredo deste quilate que ficará em minha mente e coração! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de comentar, leia com atenção:

Comentários ofensivos não serão aceitos.

Para que você seja retribuído, comente decentemente sobre a postagem, coloque o link do seu blog/site no final do seu comentário.

Comentários com Seguindo, segue de volta e afins, serão excluídos e não irei retribuir!

Críticas são sempre bem vindas, desde que construtivas.


Obrigada e volte sempre!